Concerto das Artes emociona público pelo segundo ano consecutivo

Por Williana Lascaleia, do Centro Histórico

 

Grupo Kodaiko se apresenta pela segunda vez no Concerto das Artes e encanta público presente - Foto: Williana Lascaleia
Grupo Kodaiko se apresenta pela segunda vez no Concerto das Artes e encanta público presente – Foto: Williana Lascaleia

Na noite deste sábado, dia 25, o Centro Histórico de Embu das Artes recebeu pelo segundo ano consecutivo o Concerto das Artes, onde mais de 2 mil pessoas pararam para assistir o grandioso espetáculo. Oficialmente o Concerto das Artes passou a fazer parte do calendário cultural da cidade. O grande espetáculo passou por todos os estilos musicais, como a musica regional, MPB e erudita.

“Sem vocês este espetáculo não seria nada. Todos os artistas que estão aqui prepararam com muito carinho e dedicação uma apresentação aos moradores e visitantes de toda a região. Ano passado fizemos a primeira edição e eu disse que se vocês tivessem gostado o Concerto das Artes entraria para o calendário oficial da cidade. Não tem mais volta! Concerto das Artes entrou oficialmente par ao calendário da nossa cidade e ficará por muitos, muitos e muitos anos”, disse o prefeito Chico Brito que cantou Pra não dizer que não falei das flores com o cantor lírico Iraílton Cunha.

A Banda Jovem da Escola de Música de Embu das Artes foi quem abriu o espetáculo. O prefeito relembrou que o espaço, com 12 salas de aula, onde funciona a Escola de Música era usado como ele próprio diz “para droga e tudo o que não presta” a prefeitura fez o investimento de R$ 1,4 milhão, sendo mais da metade para a compra de instrumentos musicais. Em seguida foi a vez do grupo Kodaiko que mostrou um pouco da percussão do folclore japonês. A Orquestra Sinfônica de Poços de Caldas emocionou o publico com uma viagem musical por diversos países.

O percussionista Caçapava, neto de Solano Trindade, tocou a musica O canto da Cidade, de Daniela Mercury, e foi acompanhado pela cantora lírica Lia e pela bailarina e Rosimeire Monteiro, de Itapecerica da Serra.

A apresentação contou com a interpretação de Nessun Dorma, clássico da musica italiana da década de 20, e com um medley de temes nordestinos, além da bela interpretação de New York, New York que foi acompanhada em coro pelo público presente. O grupo do Centro de Tradições Gauchas dançou muito vanerão e em seguida foi a vez do público infantil com musicas dos anos 80.

“Eu estive aqui no ano passado e foi maravilhoso. Este ano vim trazer meu marido que não quis vir. Já combinamos de vir juntos no próximo ano. É espetacular essa viagem no tempo. Conhecer musica e ver jovens com tanto talento”, afirmou a dona de casa Maria Isabel, de Itapecerica da Serra.

A Banda Municipal de Embu das Artes também participou e um de seus fundadores, o Sr. Deco, recebeu uma homenagem pelo trabalho realizado no município. A noite foi encerrada com a música juntos “Era um garoto que como eu, amava os Beatles e os Rolling Stones”.

Estiveram presentes vereadores, secretários, do  presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção Embu das Artes, Carlos Alberto Cardoso de Camargo, e a primeira dama Daniela Brito.

 

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.