Centro de Controle de Zoonoses de Taboão da Serra realiza campanha para prevenção da Leishmaniose Visceral


Transmitida pelo inseto flebotomíneo contaminado, a doença pode atingir animais e humanos


A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Taboão da Serra, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), realiza neste mês de agosto a campanha para prevenção da Leishmaniose Visceral, doença grave causada por um parasita e transmitida pela picada do inseto flebotomíneo contaminado, que pode picar e adoecer humanos e animais. 

De acordo com a diretora do CCZ, Andreza Santos, a campanha no município tem o objetivo de trazer informações e esclarecer a população sobre os cuidados para evitar e prevenir a doença. “O CCZ trabalha neste mês de agosto a campanha para prevenção da Leishmaniose, uma doença que pode ser prevenida e evitar a contaminação em humanos e animais. Contamos com todos para compartilhar essas informações”, convidou.

Para evitar a doença, as dicas de prevenção são: manter a casa e quintal sempre limpos; recolher os restos de folhas e frutos apodrecidos; evitar instalar abrigos de animais ou aves perto de casa; não deixar os animais soltos na rua e cuidar de sua saúde; usar repelente no corpo conforme orientação médica.

Os sinais e sintomas da Leishmaniose em humanos são: febre prolongada; anemia; emagrecimento; franqueza e cansaço; aumento do baço e fígado; diarreia; inflamação dos gânglios linfáticos. O diagnóstico e tratamento em humanos é gratuito através do Sistema Único de Saúde (SUS).

Em animais os sinais e sintomas da Leishmaniose são: emagrecimento; perda de apetite; diarreia e vômito; feridas no focinho, orelhas e pele; queda de pelos; crescimento das unhas; sangramento intestinal.

Serviço:

Centro de Controle de Zoonoses – CCZ

Rua Victor Campisi, 250 – Parque Industrial das Oliveiras – Taboão da Serra – SP

Telefone: 4786-3287

Funcionamento: De segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

Por Renata Gomes

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.