SAMU de Taboão possui oito ambulâncias e duas motolâncias para atender a população


Taboão da Serra tem o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) próprio e atende todas as situações de urgência e emergência. São oito ambulâncias, sendo três viaturas, uma ambulância UTI, duas motolâncias, quatro ambulâncias básicas de remoção e uma ambulância UTI de remoção. A equipe é composta por 142 profissionais, entre médicos, enfermagem e motoristas. 

Cada plantão conta com, em média, 28 profissionais, entre médicos, enfermagem e motoristas. São três médicos por plantão e, quando há aumento de demanda, mais um médico é chamado para dar suporte e cobertura à equipe. Para atender aos chamados telefônicos do 192, o serviço possui três técnicos auxiliares de regulação médica e um rádio operador que despacha as ocorrências de acordo com a regulação médica.

Realizando, em média, 1720 atendimentos por mês, entre socorros às urgências e remoções, o serviço possui toda a estrutura necessária, sendo que todos os veículos são adequadamente equipados e os funcionários atuam uniformizados e fazem uso de macacões, equipamentos de proteção individual (EPI), tais como touca e aventais descartáveis, óculos de proteção, escudo facial, luvas descartáveis, máscaras descartáveis cirúrgicas e N95.

“O SAMU é um serviço que orgulha a todos nós e a população. É um serviço altamente qualificado. Quando chegamos aqui em 2013, as ambulâncias eram realmente sucatas. Ao longo desses anos, nós temos conseguido pedir reposição e troca ao Ministério da Saúde das ambulâncias que esgotam a sua vida média, seu tempo de uso, pois são carros que andam dia e noite, todos os dias, como também adquirimos ambulâncias modernas e equipadas. Temos feito todo um trabalho de manter em dia os equipamentos, EPI, macacões entre outros. Com a pandemia, fomos o primeiro SAMU que comprou macacão e temos mantido nossos funcionários capacitados. Portanto, é um trabalho que nos dá muito orgulho”, ressaltou a secretária de Saúde, Dra. Raquel Zaicaner. 

Para manter um serviço de qualidade de forma contínua, a capacitação é constante. Os profissionais do SAMU, de todas as categorias profissionais, passam por atualizações mensais em assuntos da rotina socorrista através do Núcleo de Educação Permanente, com temas como: atendimento à gestante no trauma, protocolo de trauma, atendimento ao paciente psiquiátrico, parto, infarto agudo do miocárdio, ferimento por arma de fogo, ferimento por arma branca, queimaduras, entre outros. Também através do Núcleo de Educação Permanente, são realizados treinamentos de primeiros socorros em Escolas, Guarda Civil Municipal e nas Unidades de Saúde Municipais.


Por Charles Eliseu

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.