Taboão da Serra realiza o Dia D da vacinação contra a gripe no sábado, 29/05


Ação acontece das 8h às 17h nos 12 postos de saúde. Quem tomou a vacina contra a Covid-19 deve esperar 14 dias para receber o imunizante contra a gripe

Neste sábado, 29/05, será o Dia D da campanha de vacinação contra a gripe em Taboão da Serra. Crianças de seis meses a 5 anos 11 meses e 29 dias, pessoas maiores de 60 anos, professores, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto) povos indígenas e trabalhadores da Saúde que ainda não receberam o imunizante devem se dirigir a uma das 12 Unidades Básicas de Saúde para se vacinar. A ação acontece das 8h às 17h.

O secretário de Saúde, José Alberto Tarifa, ressalta que quem foi vacinado recentemente contra a Covid-19 deve respeitar o período de intervalo para receber a dose contra a gripe. “Quem tomou a vacina contra a Covid-19 deve esperar, pelo menos, 14 dias para receber o imunizante contra a gripe. O mesmo prazo deve ser aguardado por quem tomou a vacina da gripe recentemente. Caso a pessoa esteja nos grupos propostos para a vacinação contra o novo coronavírus, a vacinação contra a Covid-19 deve ser priorizada”, destacou.

Unidades Básicas de Saúde estarão abertas no sábado, 29/5, das 8h as 17h, para vacinação contra a gripe – Foto: Divulgação/ PMTS

Para receber a vacinação contra a gripe é necessário apresentar carteira de vacinação, cartão do SUS e documento de identificação com foto. O imunizante deste ano protegerá os vacinados contra três cepas do vírus Influenza: Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e Influenza B.

Até esta sexta-feira, 28/05, a Secretaria de Saúde de Taboão da Serra aplicou 27.321 doses do imunizante contra a gripe. De acordo com pasta, a expectativa é vacinar até o início de julho mais de 109.600 taboanenses dos grupos propostos.

Serviço:
Dia D – Vacinação contra a gripe (Influenza)
Quando?
29/05, das 8h às 17h
Onde? Unidades Básicas de Saúde
Público-alvo: Crianças de seis meses a 5 anos 11 meses e 29 dias | Maiores de 60 anos | Professores | Gestantes | Puérperas (até 45 dias após o parto) | Trabalhadores da Saúde |Povos indígenas

Por Vera Sampaio

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.