Marcos Paulo é o novo presidente da Câmara; BIH tem a maioria dos votos na Casa

 

Nesta terça-feira, 4, o vereador Marcos Paulo, Paulinho, foi eleito para a presidência da Câmara no biênio 2019/ 2020. Juntamente com ele foram eleitos para vice- presidente o vereador Carlinhos do Leme e como secretário o vereador Waines Moreira e como 2º secretária a vereadora Érica Franquini. Paulinho pertencia ao grupo do governo que apoiou o vereador Ronaldo Onishi para a presidência.

Durante a votação os discursos eram acalorados e cheio de mágoas passadas, algumas pareciam ter origem ainda na infância, mas a eleição anterior deixou muitas mágoas e com o desenrolar dos fatos o que era situação virou oposição, mas o que era oposição não virou situação. A falta de compromisso, de palavra, ficou claro, que foi o motivo do desgaste da relação entre os Pares.

“Tudo foi se desenrolando e mostrando que a palavra e o compromisso era de que eu não poderia ser eleito presidente da Câmara, mesmo sendo fiel ao governo. Uma das falas mais importantes que eu ouvi, mais difíceis, foi a de que o vereador Ronaldo Onishi abriria mão do cargo para a vereadora Priscila, que não era candidata, do que para mim que o grupo tinha compromisso. Daí eu vi que estava muito claro [que eu não seria presidente], declarou Paulinho.

 

A disputa foi acirrada entre a base do governo e o BIH, Bloco Independente e Harmônico, que segundo  o presidente eleito, tem como mentor o prefeito de Embu das Artes, Ney Santos e o BO, Bloco de Oposição, do vereador Waines Moreira. Paulinho ressaltou  o apoio do prefeito Ney Santos e do deputado eleito, José Aprígio e o apoio dos vereadores que o elegeram. Além de deixar claro que a conversa com o prefeito é com o grupo.

 

“Quero salientar a união destes vereadores que me elegeram. A mesa diretora de toda a Casa e não só deste grupo. Independente de posição, se é BIH ou BO, vereador será respeitado. Alguns agentes políticos, preciso colocar aqui, que foram importante neste processo que foi o prefeito de embu que é o mentor do BIH e o deputado eleito josé aprígio que é grande parceiro do waines moreira essas forças políticas se uniram e mais a casa vai caminhar em tranquilidade, Há um novo cenário. A nossa fala com o governo, se ele quiser conversar, é com o grupo”, deixou claro Paulinho.

 

A grande expectativa agora é saber se o pai  do vereador Marcos Paulo, Valter Paulo, será exonerado ou se continuará no governo e como ficará a votação da LDO na próxima semana.

Por Williana Lascaleia, da Câmara Municipal

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.