Prefeitura de Taboão da Serra realiza ação #VacinaTaboão no Parque Laguna


Equipes técnicas fizeram levantamento das famílias, que ainda contaram com doações da campanha Aquece Taboão e vacinação contra a Covid-19 para maiores de 32 anos

A Prefeitura de Taboão da Serra realizou no sábado, 24/07, mais uma edição da #VacinaTaboão. A ação que levou vacinação contra a Covid-19 para maiores de 32 anos, serviços da Assistência Social como o CRAS Itinerante, campanha do agasalho Aquece Taboão, além da doação de kits de alimentos do Centro de Triagem de Alimentos, aconteceu na ocupação irregular no Parque Laguna. Nesta edição, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente (SEHAB) somou esforços à ação e realizou cadastro das famílias que vivem no local. A secretária adjunta de Habitação, Mara Pante, acompanhou a #VacinaTaboão.

O prefeito Aprígio, que esteve na área irregular no último dia 14/07, solicitou às equipes da Prefeitura para que realizassem a ação. “Em minha última visita conversei com os moradores e esclareci às questões referentes ao terreno. Pude ver de perto como as pessoas vivem e algumas de suas necessidades e solicitei às equipes das Secretarias de Assistência Social e de Saúde para que viessem aqui na mesma data que os técnicos da Habitação fossem realizar o cadastro das famílias”, disse. “Quanto ao terreno e as moradias, por se tratar de uma questão judicial, não podemos afirmar o que será feito, mas a prefeitura precisa dar assistência à população à medida que a legislação nos permite”, completou.

O secretário de Habitação Nilcio Regueira Dias explicou que a Prefeitura de Taboão da Serra trabalha continuamente na mediação de conflitos fundiários e na implementação de políticas públicas para coibir irregularidades, como loteamentos clandestinos e o desmatamento da vegetação e que no dia da ação foram realizados os procedimentos de Selagem e Cadastro. “O objetivo deste levantamento foi identificar o perfil social, econômico e as condições de moradia das famílias, para viabilizar análises e estudos. O ato realizado não significa nenhum tipo de aval da municipalidade para a continuidade do loteamento clandestino irregular que ocorre na referida área. Estas questões dependem de decisão judicial”, destacou.

O secretário de Assistência Social e Cidadania, Wagner Eckstein, que também responde pelo Fundo Social de Solidariedade afirmou que a ação foi muito produtiva. “Podemos conhecer mais os moradores desta área, suas realidades, além de sanar dúvidas quanto aos serviços de Assistência Social. A campanha Aquece Taboão deu a sua contribuição com a doação de cobertores e roupas e o Centro de Triagem forneceu kits de alimentos, com legumes, frutas, verduras”, comentou. “A Secretaria de Saúde vacinou contra a Covid-19 os moradores com mais de 32 anos, até então uma dificuldades de quem vive nesta área, pois não tem comprovante de endereço, mas assim como toda a população precisam ser imunizada contra a doença. Com certeza essa ação foi extremamente produtiva tanto do ponto de vista da Prefeitura, quanto dos moradores”, finalizou.

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.