Estudantes param a BR 116 para reivindicar transporte escolar gratuito

Por Williana Lascaleia, da Redação Online Foto: Priscila Maia

Alunos fazem manifestação reivindicando transporte escolar em Embu - Foto: Divulgação
Alunos fazem manifestação reivindicando transporte escolar em Embu – Foto: Divulgação

Na manhã desta sexta-feira, 3, alunos de escolas públicas da região de Embu das Artes bloquearam a Rodovia Regis Bittencourt, sentido Sul, para manifestarem sobre a falta de transporte escolar gratuito que recebiam do Governo do Estado.
Os manifestantes colocaram galhos de árvores na pista e a GCM esteve presente conseguindo liberar por volta das 8:30h a pista do lado esquerdo. O congestionamento chegou a 5km.
Os alunos moram em áreas rurais ou de difícil acesso as escolas Eulália Malta, Mosc, Eduardo Vaz e Carlos Coch e necessitam do transporte para estudar.
Em um dos panfletos os alunos citam o magistrado Dr. Rafael Rauch, da 1º vara de Taboão da Serra pedindo que libere o transporte.

Em nota ao site Informativo Taboão a Diretoria Regional de Ensino de Taboão da Serra informou que durante o processo de contratação de transporte escolar constatou suspeita de fraude com uma das empresas que fazem o transporte escolar. O caso está na justiça e a Secretaria de Educação do Estado já recorreu e aguarda parecer para poder chamar a segunda colocado no processo de contratação do serviço.
Veja a nota!

“A Diretoria Regional de Ensino de Taboão da Serra esclarece que durante processo de contratação emergencial de transporte escolar constatou suspeita de fraude da empresa Cristiano Caputti Locadora e Transportes e registrou boletim de ocorrência. O caso é investigado pela polícia. A empresa recorreu e obteve decisão judicial favorável, fato que impediu o chamamento da segunda colocada no processo. A Secretaria da Educação do Estado já recorreu da decisão e aguarda parecer da Justiça. Cabe informar que nestes primeiros dias de aula as escolas estão realizando atividades de acolhimento. A administração regional informa, ainda, que qualquer conteúdo perdido será reposto”.

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.