Secretarias de Saúde do Conisud realizam reunião sobre combate à dengue

Por Sandra Martins

O Colegiado de Secretários de Saúde da Região de Mananciais se reuniu dia 10/12, na sede Consórcio Intermunicipal da Região Sudoeste da Grande São Paulo (Conisud) para discutir  a situação da vigilância e do controle da dengue nas cidades. A ideia é discutir um plano regional de combate ao mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue e outras doenças, envolvendo os prefeitos para levar a pauta para o Governo do Estado.

“Queremos unir forças para combater o mosquito aedes aegypti que tem feito muitas vítimas em toda essa macro – região, deixando de lado as questões político-partidárias, pois quem mais sofre é a população”, falou Sandra Magali Fihlie, secretaria de Saúde. Segundo a secretária, as cidades já fizeram um balanço e estão trazendo suas dificuldades na hora de combater o vetor e hoje estão observando ações que já deram certo, como, por exemplo, identificar os pontos de lixo, orientação quanto ao armazenamento de água, entre outras.

“Constatamos que o número de agentes de controle de vetores ainda é insuficiente para o combate, há necessidade de mais equipes nas ruas”, falou o secretário de Saúde de Vargem Grande Paulista, Eduardo Prado. As cidades do Conisud foram as primeiras no Estado a realizar treinamento para os agentes de saúde para combater a doença, além do chikungunya e da zika.

Embu das Artes já está no combate intenso do mosquito há anos. Os funcionários da prefeitura participam de uma Comissão de Combate à Dengue, que, dentre seus planos de ação, resolveu criar o Decreto 1043/2015,  que dispõe sobre medidas voltadas para a contenção da doença quando houver dificuldade dos agentes para adentrar em casas que possam ter focos do mosquito, por exemplo.

O grupo deverá se reunir novamente, desta vez com a presença dos prefeitos, dia 17/12 no gabinete do prefeito de Itapecerica da Serra. Nesse novo encontro serão apresentadas propostas de ações e definição de estratégias para serem apresentadas ao Governo do Estado mostrando a necessidade de financiamento para essas ações.

Participaram do encontro Eliane Faria, coordenadora de Saúde Mental,  Elza Barbosa de Jesus, articuladora da dengue e da educação, e a secretária de Saúde Sabrina Pavan,  todas de Embu-Guaçu; José Moraes, secretário da pasta em Itapecerica da Serra; Flávia Barros, assistente técnica de Saúde de Taboão da Serra; e Iraci Cleide da Silva, articuladora da Atenção Básica da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo.

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.