IMPULSIONA TABOÃO: 43 famílias receberam escritura de suas casas

Neste sábado, 6, aconteceu o Impulsiona Taboão na EMEF Francisco Ferreira Paes com diversos serviços à comunidade e a entrega de 43 escrituras para famílias da região.

Foram oferecidos diversos serviços à comunidade como por exemplo: Atende Online, vacinação, atendimento jurídico, acesso Digital, Tarifa Social de energia elétrica, elaboração de currículo, aferição de pressão, teste destro, multivacinação, vacinação contra a Covid- 19, atendimento médico, atualização de receitas, Acolhimento, ACESSUAS, Programa Erradicação do Trabalho Infantil (PETIT), Criança Feliz, Teste rápido da Covid-19, Procon, orientação jurídica em parceria com a OAB, apresentação de artes marciais, apresentações de música sertaneja e pagode, dança afro, palhaço e roda de conversa, caricatura, maquiagem artística, pipoca, algodão doce e cachorro quente.

O secretário de habitação e meio ambiente Nílcio Regueira Dias, explicou que os moradores estavam recebendo o título de propriedade com registro em cartório, pois anteriormente, em processo que foi aberto em 2007, recebiam apenas a concessão de direito real de uso.

“Gostaria de agradecer os secretários presentes, pois sem eles não poderíamos fazer um evento grandioso como este. […] Abrimos este processo em 2007, por um acaso eu estava aqui na época. A legislação era outra e parte da população recebeu o certificado de concessão de direito real uso. Agora conseguimos dar o título de propriedade registrado em cartório”, disse Nílcio Regueira Dias.

O secretário de manutenção Eduardo Nóbrega relembrou da época de campanha onde o atual prefeito José Aprígio foi vítima de mentira eleitoreira onde dizia- se que o mesmo derrubaria casas da periferia da cidade, porém o mesmo nunca derrubou uma casa, mas está entregando a escritura destes imóveis para a população.  

Nóbrega ainda filosofou afirmando que quando estava indo para o evento leu uma frase que dizia que enganar os outros é fácil, mas se explicar a Deus era difícil, pois as mentiras inventadas durante a campanha para tentar denegrir a imagem do atual prefeito José Aprígio era muita. Apesar das mentiras, hoje a população estava recebendo das mãos de Aprígio suas escrituras.

 “No caminho eu li uma frase: “Enganar o outro é fácil, o difícil é se explicar para Deus”. Durante a campanha eleitoral nós andamos nas ruas da cidade principalmente no Sitio das Madres. Nós tivemos que ouvir uma grande mentira de que o Aprígio derrubaria as casas das comunidades em Taboão da Serra. Essa mentira foi contada mais de mil vezes e uma mentira contada milhares de vezes vira uma verdade. Disseram que este homem, iria tirar o lar e a moradia e principalmente iria tirar a moradia dos mais pobres. Mentiram, falaram e agora vão ter que se explicar para Deus. Porque o Aprígio além de não derrubar uma única casa em Taboão vai entregar as escrituras para todos só moradores para os moradores. Só quero ver daqui três anos o que os adversários vão falar. Quero ver como vão se explicar para Deus, porque para o povo de Taboão nós não vamos precisar falar”, declarou o secretário Eduardo Nóbrega.

O prefeito José Aprígio contou de quando ela e sua esposa Dn. Luzia Aprígio não tinham casa própria e de quando sua família morava debaixo de uma árvore. Disse que agora a população tem um prefeito humano que sofreu muito e que sabe das dificuldades para se ter a casa própria. Explicou a importância de se ter a escritura do imóvel para quem é o proprietário e para quem vai comprar, pois é com este número de matricula que você irá pedir o financiamento do imóvel.

“Fico muito feliz de estar aqui entregando 43 escrituras. Muita gente nem sabe o que é e nem dá valor, mas se você vai comprar uma casa e não pergunta se tem escritura e compra de qualquer jeito [não consegue financiamento]. Escritura é o documento final.  Escritura é uma matricula que você consegue no registro de imóvel. É o número que você [quando] quer comprar uma casa e não tem dinheiro para comprar uma casa você vai até o banco e diz “ eu preciso comprar uma casa”, o banco diz “me traga a casa que eu compro a casa para você”. O banco financia a casa para você”, explicou o prefeito José Aprígio.

O vereador e presidente da Câmara, Carlinhos do Leme, falou da importância da organização do evento e de levar estes serviços a população carente, além do direito de ter a documentação

“Esse momento é muito importante. Quando falamos de ação social quem não participa não sabe da importância que é pegar todos os funcionários, que estão aqui desde ontem, [para organizar o evento ] e não teríamos como fazer um evento dessa magnitude [se não fossem eles]. Quando a gente chega a entregar um título de posse não tem como medir a importância e a alegria de receber a concessão de sua casa. Você tem direito. Você pode fazer o que quiser fazer com essa casa, até deixar para um filho de herança”, declarou o vereador e presidente da Câmara Carlinhos do Leme.

Vários vereadores e secretários estiveram presentes. No próximo dia 20 este evento acontecerá na Arena Multiuso.

Por Williana Lascaleia, da EMEF Francisco Ferreira Paes

Deixe seu comentário - OPINE!

Seu email não será publicado.